Palestrantes


Ver todos os palestrantes

Compartilhe:

Dr. Greg Kruger

Greg Kruger é especialista em Plantas Daninhas e Tecnologia de Aplicação do West Central Research and Extension Center em North Platte, NE. Ele também ocupa o cargo de Professor Associado no Departamento de Agronomia e Horticultura, ambos da University of Nebraska-Lincoln. Como parte de sua posição, ele dirige um programa diversificado que investiga todos os aspectos da ciência das plantas daninhas, desde o manejo de plantas daninhas e aplicações de pesticidas até o uso sustentável de pesticidas. Ele estava na University of Nebraska-Lincoln desde Janeiro de 2010. Antes disso, completou seu bacharelado em Agronegócio na Ohio State University e Mestrado e Doutorado em Fitopatologia e Plantas Daninhas, respectivamente, na Purdue University. Um dos principais focos de seu programa é o teste de túnel de vento e o gerenciamento do laboratório Tecnologia de Aplicação de Pesticidas. Seu programa avalia muitos aspectos do controle de plantas daninhas e deriva de pesticidas em laboratório e campo. Greg teve 17 alunos de pós-graduação, é autor ou co-autor de mais de 75 manuscritos, tem mais de 270 resumos e apresentou pesquisas relacionadas a ciência das plantas daninhas e tecnologia de aplicação de pesticidas nos cinco continentes. Greg trabalhou com vários colegas no Brasil e já recebeu 25 estudantes brasileiros de graduação e pós-graduação em seu laboratório.

Compartilhe:

Dra. Nilda Burgos

Presidente da “International Weed Science Society”, professora de Fisiologia de plantas daninhas na University of Arkansas Tem mestrado e doutorado em plantas daninhas pela University of Arkansas.

Autora de diversos artigos publicados em conceituados periódicos, principalmente na área de resistência de plantas daninhas a herbicidas.

Compartilhe:

PhD Stephen O. Duke

Pesquisador do USDA desde 1975, tem mais de 400 publicações em diferentes áreas da ciência de plantas daninhas incluindo: modo de ação de herbicidas, , alelopatia, fisiologia e resistência de plantas daninhas.

Compartilhe:

Ph.D. Franck E. Dayan

Ph.D em fisiologia vegetal, atualmente é professor de plantas daninhas na Colorado State University –EUA. Reconhecido pela grande experiência na área de fisiologia de herbicidas pela qual recebeu diferentes prêmios, possui 129 artigos publicados em periódicos de grande relevância e 57 revisões e capítulos de livros.

Compartilhe:

Dra. Patricia Andrea Monquero

Possui graduação em Agronomia pela Universidade de São Paulo (1996), mestrado em Fitotecnia pela Universidade de São Paulo (1999) e doutorado em Fitotecnia pela Universidade de São Paulo (2003). Trabalhou no APTA/ Presidente Prudente e atualmente é professora associada no Departamento De Recursos Naturais e Proteção Ambiental do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal de São Carlos. Presidente da Sociedade Brasileira de Ciência das Plantas daninhas (SBCPD) durante o biênio 2016/2018, participando da diretoria da SBCPD desde 2012. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Matologia, atuando principalmente nos seguintes temas: herbicidas, comportamento no ambiente, biologia e manejo de plantas daninhas e cana-de-açúcar.

Compartilhe:

Ph.D. Todd Gaines

Colorado State University

Mestre em melhoramento genético de plantas e Ph.D. em plantas daninhas pela Colorado State University. Tem pós-doutorado na University of Western Australia trabalhando com evolução da resistência de plantas daninhas; e na Bayer CropScience na Alemanha com trabalhos na área resistência metabólica a herbicidas. Atualmente é professor de Biologia molecular aplicada à plantas daninhas na Colorado State University.

Compartilhe: